#33 - Doces bárbaros

estava chovendo na rua e ela só percebeu depois de sentir suas meias já molhadas. "merda", disse quase simultaneamente ao carro que lhe passou ao lado jogando-lhe uma quantidade exorbitante de água. foi pegar religiosamente o salário no banco, mas como sempre este estava atrasado, revisou mentalmente o momento em que acordara apenas para perceber que não havia levantado com o pé esquerdo - mesmo porque isso não era possível, já que sua cama jazia encostada na parede sinistra do quarto, dando apenas um pé como opção de apoio ao acordar.

Read →